Servir (em 2012)

miudos_caes

O serviço é uma dimensão marcante do projeto Casa Velha. Muitos dos grupos que passam desejam poder ajudar em alguma coisa. E de fato, há sempre coisas para fazer e todas as ajudas são bem vindas e fazem a diferença, seja a arrancar ervas da horta, a colher e secar aromáticas, a pintar portas, a fazer projetos…

Os Atravessados aumentaram em número e diversidade de origens (para além de Lisboa, Fonte da Prata, Santarém, Coimbra, há agora 3 membros de Castelo Branco), vai cada vez mais enraizando o seu serviço à Comunidade do Vale Travesso e Ourém, com as atividades de tempos livres com as crianças, as visitas a idosos (em 2012 começaram a fazer-se visitas ao lar de Ourém da Fundação Dr. Agostinho Albano de Almeida) e o acompanhamento do estudo na Casa da Criança.

Em Março, os Leigos para o Desenvolvimento fizeram mais um mini-campo de trabalho e formação dos seus voluntários, e em Abril, os Trolhas realizaram o seu último campo de trabalho na Casa Velha, fechando um ciclo de 3 anos de tanto apoio a este projeto.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s