Ao Ritmo do Outono

No passado fim de semana de 9 a 11 de Outubro realizou-se a primeira de quatro atividades “Ao Ritmo da Terra”, cujo objetivo é acompanhar o tempo próprio de cada estação.    

Foi com alegria que a Casa Velha recebeu um grupo de participantes generosos, que se ocuparam da construção do galinheiro, da limpeza das acácias e dos ramos ladrões do olival – rebentos supérfluos que roubam recursos ao ramo principal – da apanha da castanha e da bolota. Tudo isto entre oração e convívio.

O Outono revelou-se um tempo lento, propício ao recolhimento para olhar os nossos limites, as agitações que nos roubam a paz, o modo como ocupamos os nossos dias e para nos abrirmos ao outro; no fundo, para agradecer o dom do tempo e procurar dar-lhe sentido. Depois desta experiência, que se revelou curta, todos saímos com o desejo renovado de estar e de trabalhar com maior regularidade uns com os outros em contexto rural, bem como com o desejo de colher os frutos destes dias.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s